Início > Blog > Com quantos meses pode castrar um cachorro?

Com quantos meses pode castrar um cachorro?

Com quantos meses pode castrar um cachorro

A castração é muito importante para a saúde do animal por uma série de motivos. Para tutores de primeira viagem, este é um assunto que gera também várias dúvidas. Para ajudá-los, vamos explicar aqui com quantos meses pode castrar um cachorro.

O primeiro benefício da castração é, sem dúvidas, limitar cruzamentos não desejados. Como resultado, temos a redução no número de bichinhos abandonados e o seu consequente ciclo reprodutivo. Porém, há ainda o cuidado com a própria saúde do animal, pois a cirurgia previne contra doenças relacionadas a hormônios do aparelho reprodutor.

Dentre elas, há o câncer de mama ou útero nas fêmeas, bem como de próstata nos machos. Infelizmente, a falta de informação precisa leva tutores e tutoras a pensar na castração como um “ato cruel” e de sofrimento para o bichinho. Pelo contrário! Os benefícios são muito maiores.

Você está no blog da Rede DOK. Nossos hospitais veterinários contam com os profissionais mais qualificados para tratar bem dos pequenos animais. A nossa missão é transformar amor em cuidado!

Com quantos meses pode castrar um cachorro?

Uma das principais dúvidas pertinentes à castração é a idade mínima permitida para o procedimento. A recomendação é que, quando se trata do filhote, o tutor finalize o primeiro ciclo vacinal. Normalmente, as primeiras vacinas pediátricas terminam quando o animal tem seis meses de vida.

Essa fase ainda é tranquila porque o bichinho não produz altos níveis de hormônios reprodutivos, pois ainda não atingiu a maturidade sexual. Por outro lado, animais adultos ainda não castrados podem passar pelo procedimento normalmente. Isso vale para os idosos também!

Nas fêmeas, recomenda-se a castração entre o primeiro e segundo cio. Porém, vale destacar que não há um padrão estabelecido que valha para todos os pets. A cirurgia veterinária no momento certo não traz prejuízos ao desenvolvimento do cão, além de evitar comportamentos do tipo marcação de território ou montar em objetos.

Deste modo, antes de qualquer decisão, procure o médico ou médica veterinária do seu bichinho para saber dele a resposta para com quantos meses pode castrar um cachorro. Esta orientação é necessária, já que  há cães que amadurecem mais rapidamente, principalmente os de menor porte.

O que é melhor: castração ou injeção?

Há, ainda, tutores que não pensam sobre com quantos meses pode castrar o cachorro, porque acreditam na eficácia da injeção anti-cio. O fato é que este medicamento é altamente prejudicial, não só para cadelas quanto as gatinhas. Por terem, em sua fórmula, a progesterona, em vez de reduzir as chances do câncer, aumentam!

A cirurgia de castração, por outro lado, reduz os riscos de forma significativa. Só para exemplificar, doenças relacionadas aos hormônios reprodutivos, por exemplo, cânceres de mama, útero e próstata, os casos diminuem 95%. Ademais, no caso das fêmeas, evita-se a gestação indesejada e os riscos decorrentes disso.

A castração canina é uma cirurgia perigosa?

De modo geral, a castração do cachorro, assim como dos gatinhos, é um procedimento simples. Tanto que, geralmente, o animal é liberado no mesmo dia da cirurgia (principalmente, se for macho). Entretanto, como qualquer procedimento do tipo, aplica-se anestesia e, aí sim, pode haver, ainda que raramente, alguma reação.

Nada que, entretanto, justifique não levar o cão para castrar! Da mesma forma feita com humanos, há os exames pré-operatórios que indicarão se o animal está com a saúde em dia para a cirurgia. Além disso, você pode pedir à clínica para operar o bichinho com a anestesia inalatória, mais segura. Converse com o seu veterinário!

Quais são os cuidados após a castração?

A recuperação da castração é, geralmente, tranquila, justamente por ser um procedimento simples. Como mencionado acima, os machos são normalmente liberados no mesmo dia. Por outro lado, as fêmeas podem precisar dormir na clínica, uma vez que a cirurgia de castração é levemente mais extensa. Então, há o acompanhamento para evitar sangramentos e dor.

Quando o bichinho chegar em casa, além de muito carinho, é preciso administrar anti-inflamatórios por sete dias. É recomendado também o uso de roupinha cirúrgica ou um colar protetor. Por fim, cuide para que o animal fique em repouso para não haver complicações, principalmente nos pontos em fêmeas.

Castrar é um ato de amor!

Como você viu, não há uma resposta exata para a dúvida sobre com quantos meses pode castrar um cachorro, mas este procedimento não é, de forma alguma, uma ação que maltratará o seu animal. Pelo contrário, com a cirurgia, doenças muito sérias serão evitadas, tanto nas fêmeas quanto nos machos.

Para que tudo saia bem, além de conversar com o seu veterinário de confiança, busque um hospital bem recomendado. Ademais, faça os exames pré-operatórios e, após a cirurgia, cuide da cicatrização e alimentação adequadas. Ah, e não se esqueça de encher o seu cão de muito amor!

Conheça a Rede Dok. Nossos hospitais veterinários contam com profissionais capacitados nas mais diversas especialidades. Agende uma consulta e traga seu animal. Você ama seu pet, nós amamos cuidar dele!

Após aprender com com quantos meses pode castrar um cachorro, veja também: como saber se o cachorro tem catarata?

Confira outras postagens

Você já cuidou dos olhos do seu pet hoje? Conheça a importância da Oftalmologia

A saúde ocular dos animais de estimação é frequentemente negligenciada, pois muitos deles, mesmo cegos de um olho, não demonstram sinais visíveis e se adaptam bem ao ambiente. Por isso, é comum que tutores não percebam a cegueira parcial ou outros problemas oculares em seus pets. Importância da consulta Oftalmológica Consultas oftalmológicas regulares são essenciais […]

LER MATÉRIA

Dilofilariose Canina: Conheça os sintomas, tratamentos e prevenção!

A Dilofilariose Canina é um verme que se aloja no coração dos cães parasitados. Os parasitas formam grumos, levando ao aumento da câmara cardíaca do animal, resultando em um problema cardíaco. Como acontece a infecção? Assim como a maioria dos filarídeos, os membros desse gênero necessitam de hospedeiro intermediário artrópode (mosquitos) para a realização do […]

LER MATÉRIA

Hemodiálise para pets? Vem saber mais!

A medicina veterinária tem registrado avanços nos últimos anos, e os tratamentos inovadores para diversas condições têm proporcionado cada vez mais qualidade de vida aos pacientes pets. Um desses progressos é a hemodiálise. Mas o que é Hemodiálise? Os rins funcionam como um filtro natural do corpo, eliminando substâncias indesejadas e regulando os níveis de […]

LER MATÉRIA