Início > Blog > O que fazer quando o gato está gripado? Entenda as causas e cuidados

O que fazer quando o gato está gripado? Entenda as causas e cuidados

O que fazer quando o gato esta gripado

Assim como acontece com os seres humanos, os felinos também estão suscetíveis a uma série de doenças virais, as quais possuem meios de transmissão variados e apresentam muitos sintomas. Para os tutores, é importante saber o que fazer quando o gato está gripado para que cuidados sejam tomados.

A gripe felina compromete o sistema respiratório superior e é altamente contagiosa entre os gatos. Contudo, é válido informar que os seres humanos, cachorros e outros animais domésticos não correm risco de contaminação. Além disso, essa doença não costuma ser grave.

O fato de não ser grave não significa que ela não tenha consequências negativas para a saúde e a qualidade de vida dos nossos gatinhos. Dessa forma, é importante saber como cuidar do felino quando percebemos os primeiros sinais da gripe.

Você está no blog da Rede DOK. Nossos hospitais veterinários contam com os profissionais mais qualificados para tratar bem dos gatos domésticos.

 

Não sabe o que fazer quando o gato está gripado? Veja 7 cuidados importantes

Assim como outras doenças mais comuns, a gripe felina pode ser tratada em casa, após uma visita ao consultório veterinário. Pensando nisso, veja uma lista com os 7 principais cuidados que os tutores devem dispensar ao seu gatinho para uma melhora rápida.

1 – Fique atento para os primeiros sintomas

Assim como qualquer outra doença, quanto antes a gripe felina for percebida, mais eficazes serão os tratamentos. Por causa disso, recomenda-se que os tutores sempre prestem atenção em seus bichinhos, a fim de perceber quando a saúde deles fica comprometida.

Os principais sintomas da gripe felina incluem apatia, espirros, febre, perda de apetite, secreções nasais e oculares e tosse. Em casos mais graves, existirá também comprometimento da respiração, bem como mudança de comportamento.

2 – Visite um consultório veterinário

Seguindo um dos pontos introdutórios, para saber o que fazer quando o gato está gripado, é preciso considerar que a doença, assim como todas as patologias, requer um diagnóstico formal por parte de um profissional da medicina veterinária. É somente ele quem poderá confirmar se o animal está contaminado ou se possui outro problema.

Visitar uma clínica veterinária é essencial porque alguns dos sintomas apresentados pela gripe felina também são compartilhados por outras patologias. Ou seja, se você não tiver certeza de que o seu animal doméstico está gripado, os cuidados não poderão ser eficazes.

 

3 – Administre os medicamentos receitados

A partir de uma consulta veterinária, o profissional irá elaborar uma receita médica, contendo as indicações de cuidados e fármacos que devem ser administrados. É crucial que você siga as orientações e não deixe de dar os remédios.

Caso o seu gato não seja muito receptivo aos medicamentos, informe isso ao veterinário durante a consulta. De acordo com o perfil de cada animal doméstico, diferentes soluções podem ser encontradas, como remédios misturados em comidas ou petiscos.

4 – Ofereça uma boa alimentação e água fresca

Uma parte essencial da recuperação de um gato que está com gripe é uma boa alimentação e acesso a água fresca. É normal que exista perda de apetite, considerando os sintomas apresentados, mas é preciso observar e fazer com que ele coma, mesmo que pequenas quantidades.

Embora rações sejam o alimento mais recomendado, alguns veterinários podem indicar comidas específicas, a fim de atrair a atenção do animal ou conceder benefícios. Em todos os casos, um ponto importante sobre o que fazer quando o gato está gripado é fazer com que a comida e a água estejam sempre disponíveis.

5 – Deixe-o confortável dentro de casa

Caso o seu gatinho seja do tipo que gosta de passear fora de casa, este é o momento de fechar as portas e as janelas. Para que a gripe seja curada completamente, o felino precisará descansar bastante, o que é dificultado quando ele continua com acesso livre à rua.

Além disso, um gato gripado não terá a mesma destreza de um sadio, o que significa que ele fica mais propenso a acidentes, como atropelamentos e quedas. Com o organismo debilitado, ele pode também ficar mais exposto ao frio e outras patologias.

 

6 – Faça companhia até que se recupere

Se você tiver a opção de ficar na companhia do seu felino durante a recuperação dele, opte por isso, pois é um ótimo conselho sobre o que fazer quando o gato está gripado. O mesmo vale se existir a possibilidade de deixá-lo com uma babá ou em uma clínica veterinária (somente nos momentos em que estiver fora de casa, é claro).

Hotéis para animais domésticos não são recomendados, considerando que a gripe pode infectar outros gatos. Se precisar deixá-lo sozinho, não se preocupe: desde que o estado dele seja estável e exista comida, água e um lugar confortável. Ele ficará bem!

7 – Mantenha as vacinas em dia

Essa não é exatamente uma dica sobre o que fazer quando o gato está gripado porque está ligada mais à prevenção, porém precisa entrar na lista devido a sua importância. A gripe felina é uma das doenças para as quais existe vacina.

Embora essa possibilidade não esteja disponível para animais que já estão infectados, aplicando-a após a melhora evitará que ele volte a contrair a doença ou, em casos excepcionais, os sintomas serão mais leves.

Da mesma forma, vacinas para outras patologias devem ser administradas. Isso é importante porque um gato gripado terá o sistema imunológico mais fraco, o que abre as portas para doenças oportunistas, muitas das quais podem ser impedidas com a vacinação adequada.

Gostou do conteúdo? Aqui no blog da Rede DOK, sempre apresentamos informações valiosas para melhorar a qualidade de vida do seu animal de estimação. Aproveite e conheça os nossos hospitais veterinários!

Após aprender o que fazer quando o gato está gripado, agende uma consulta para seu felino.

Confira outras postagens

O que fazer quando o gato esta gripado

O que fazer quando o gato está gripado? Entenda as causas e cuidados

Seu gato está gripado e você não sabe o que fazer? Confira 7 cuidados importantes para uma melhora rápida do seu animal de estimação!

LER MATÉRIA
O que perguntar ao veterinário na primeira consulta

O que perguntar ao veterinário na primeira consulta? Veja nossas dicas!

Vai levar o seu pet para a primeira consulta veterinária? Confira 9 dicas e saiba o que perguntar ao veterinário na primeira visita!

LER MATÉRIA
O que fazer quando o gato está babando

O que fazer quando o gato está babando? Veja algumas dicas

Seu gato está babando e você não sabe o que fazer? Confira quais são os principais diagnósticos e tratamentos associados a essa patologia!

LER MATÉRIA